17 de abr de 2011

Geração 00 no SESC Belenzinho

A entrada do Sesc Belenzinho tem uma agradável pegada californiana. 

Ivan e eu estivemos ontem na abertura da coletiva Geração 00. Mesmo se fosse tudo um desastre já teria valido a pena por ter conhecido um lugar como o Sesc Belenzinho, que eu não conhecia, o Brasil que eu gostaria que existisse em cada esquina e que fosse para todos. Os trabalhos expostos nas paredes apresentam uma fatia da fotografia nacional em diferentes suportes. A comunidade prestigiou, muita gente estava lá, a nova e a velha geração, estudantes, muita gente jovem interessada na imagem e nas diferentes formas de captação dela. A maioria das exposições da safra 00 é linda, uma mais outra menos, obviamente, e a montagem, impecável. O evento faz parte da programação da Virada Cultural de SP e tem 30 horas de abertura!
Na sequencia, um registro rápido do início da noite de ontem, segunda e terceira horas desta abertura. 16 de abril de 2011. 
Fernando Costa Netto
 
Bruno Faria é artista da Casa Triângulo. Ilha é o nome deste trabalho.

Rafael Assef passou a navalha nessa mocinha também.

O mineiro Thiago Rocha Pitta Herança e 'Herança', obra de 2007. 

A fotona suspensa de Claudia Andujar

Eder Chiodetto foi quem curou a Geraçào 00

Um comentário:

  1. Legal, heim, fico feliz, bem feliz. Mas vc não conhecia o Sesc Belenzinho? Beijão. Claudia

    ResponderExcluir